Menu

Stephanie Wagner

Flutes

Relaxamento Muscular Progressivo (RMP)

Todas as pessoas experimentam, pelo menos ocasionalmente, um determinado grau de ansiedade. Isto não é necessariamente negativo – na verdade, a ansiedade desempenha a importante função de proteger o organismo contra o perigo. Quando é percepcionada uma ameaça, são os diferentes componentes da resposta de ansiedade (aumento do ritmo cardíaco, aumento do ritmo respiratório, aumento da tensão muscular, criação de um estado de alerta geral) que permite que o indivíduo esteja preparado para a acção (seja esta o ataque ou a fuga). Assim, se, por exemplo, está a atravessar uma rua e vê um carro a dirigir-se para si a grande velocidade, é a resposta de ansiedade que permite que fuja para o passeio e, consequentemente, não seja atropelado.

No entanto, pode também acontecer que a pessoa experimente níveis de ansiedade que sejam desproporcionais face às ameaças reais que enfrenta no seu quotidiano – ou seja, que se sinta demasiado ansioso e durante demasiado tempo. Nestes casos, a ansiedade torna-se disfuncional e, em vez de preparar o individuo para a acção, passa a prejudicar essa mesma acção. Torna-se então importante conseguir reduzir essa ansiedade.

Como? Antes de mais importa salientar que a capacidade de relaxar é uma capacidade como qualquer outra (conduzir um carro, praticar um desporto, etc). Isto implica que qualquer pessoa a pode adquirir de forma mais ou menos autónoma, bastando para tal aprender um conjunto de procedimentos e praticá-los com alguma paciência – os resultados surgirão de forma gradual.

Dos vários procedimentos possíveis, dois se destacam pela sua simplicidade e eficácia: a respiração diafragmática e o relaxamento muscular progressivo. Estes procedimentos não são mutuamente exclusivos, pelo contrário, a sua combinação potencia a obtenção do estado de relaxamento pretendido. (Meditation and Muscle Relaxation, S. Cormier & B. Cormier; Relaxation Training, Goldfried & Davidson; Instruções do Treino de Relaxamento Progressivo, Bernstein & Borkovec, traduzido e adaptado por Catarina Dias, Gapsi – Gabinete de Apoio Psicopedagógico, FCUL)

 

O que é o Relaxamento Muscular Progressivo?

  • O RMP é uma técnica de relaxamento (desenvolvida pelo médico e psicólogo Edmund Jacobson), de focagem e de criação de uma percepção muscular e corporal mais afinada e sensível a alterações

  • Está baseada na ideia de que a ansiedade e o stress se reflectem na musculatura, tornando a tensa e incapaz de relaxar. No entanto o corpo humano precisa desse mesmo relaxamento para não enfraquecer e adoecer.

  • Com o tempo e as nossas vidas "non stop" perdemos a capacidade de largar a tensão e com isso relaxar. A tensão constante que não conseguimos evitar, no trabalho ou na escola (mobbing), nas situações familiares (pais com filhos, situações entre familiares difíceis, doenças crónicas), nas situações no relacionamento etc, são o berço para muitas doenças.

  • Se não fizermos um esforço consciente de tomar o tempo para relaxar, desaprendemos cada vez mais a capacidade que temos desde nascença de estar completamente soltos na musculatura e nas articulações. Distanciamo-nos cada vez mais do ponto em que estamos bem com o nosso corpo. Está na altura de interromper este circulo vicioso!